Por: Patricia Moraes | 5 anos atrás

Marcia Alberton (PSDB) se despediu da Câmara depois de ficar na cadeira por 15 dias, substituindo o correligionário Ademar Winter, que prestigiou a despedida no plenário ontem. Atuante, Marcia conseguiu aprovação dos pares para indicação sugerindo que o Executivo crie o Instituto Schützenfest. A ideia já vem sendo ventilada há dois anos e consiste em transformar a Festa do Tiro em um evento aos moldes do Festival de Música de Santa Catarina, gerenciado pelo Instituto Femusc e não pelo poder público. Um dos objetivos é evitar polêmicas como as registradas em 2009 e 2013, que geraram inclusive a demissão dos respectivos secretários. A de 2009 deixou dívidas com fornecedores até hoje, além de arranhar a imagem de um evento que tem o importante papel de preservar a tradição germânica, manter as sociedades de tiro em atividade e proporcionar lazer à população. Outro benefício seria a facilidade de negociação. As licitações nem sempre garantem o melhor preço e o melhor produto, muito menos permitem a agilidade necessária para a realização de grandes eventos. Esse é um debate importante para a preservação da Schützenfest. No alvo!

 

Mistério desfeito

 

Foto: Lúcio Sassi

Foto: Lúcio Sassi

 

O prefeito Dieter Janssen e o vice Jaime Negherbon ajudaram a desvendar o mistério e descobrir a camisa do novo patrocinador da equipe de futsal mais vitoriosa de todos os tempos. E, como não podia deixar de ser, o brinde depois foi com um bom Pericó.

 

Comércio aos domingos

O projeto de lei que acaba com a proibição do comércio funcionar aos domingos deve ser analisado pelo plenário somente no próximo ano. A ideia é abrir o debate antes com as categorias interessadas.

 

Novas câmeras 

Ao repórter do Plantão Policial, William Fritzke, o secretário de Segurança Pública, César Grubba, confirmou ontem a destinação de 20 novas câmeras de monitoramento para Jaraguá do Sul.

 

Ficha Limpa 

Projeto de lei de autoria da deputada estadual Angela Albino (PCdoB) prevê que empresas que respondam a processos criminais relacionados ao mau uso de recursos públicos sejam impedidas de participar de licitações e celebrar contratos administrativos com os poderes do Estado. O texto está em análise na Comissão de Constituição e Justiça e já é conhecido como “Ficha Limpa Empresarial”.

 

Apoio bem-vindo

“Ficamos muito satisfeitos com o apoio do Winter e do Amarildo”. Do presidente do PP, Ademir Izidoro, que acredita que os dois vereadores que anunciaram voto em Natália Petry (PMDB) para presidência da Câmara têm muito a contribuir com a base aliada.

 

Czerniewicz

No sábado, das 9h às 12h, acontece eleição para Associação de Moradores do Czerniewicz. Concorrem como líderes das chapas 1 e 2, Laércio Machado e Irio Riegel.

 

Vou de Táxi

A Diretoria de Trânsito e Transportes irá inspecionar na próxima semana os taxímetros dos 58 permissionários que exploram o serviço no município.

 

Abono aprovado
A Câmara aprovou durante a sessão de ontem o abono aos servidores efetivos e comissionados. O presente vai ser de R$ 750, mesmo valor do ano passado.

 

Cidade limpa 

A Prefeitura de Schroeder fechou parceria com os Bombeiros Voluntários para a realização do “Cidade Mais Limpa, Bombeiro em Ação”. O projeto segue até o dia 10 de janeiro, recolhendo materiais e componentes eletroeletrônicos que antes eram descartados de maneira incorreta no município.

 

Convênio renovado

Foi assinada a renovação do convênio entre a Prefeitura e a Rede Feminina de Combate ao Câncer. O valor da subvenção social repassada à entidade no próximo ano será de R$ 192.600.

 

Em Foco

“Eu voltarei”. Foi essa a frase de despedida de Marcia Alberton (PSDB) ontem no plenário. Cavalheiro, Eugênio Juraszek (PP) já prometeu apoio. “Pode contar com meu voto”, disse o pepista.

• • •

Depois de anunciar os primeiros nomes do secretariado, o governador Raimundo Colombo (PSD) falou sobre suas metas para o segundo mandato.

• • •

“De dois em dois meses vamos fazer uma avaliação área por área do governo, avaliando caixa, o desempenho de cada área em questões operacionais e em capacidade de investimento. Todos os secretários de Estado vão receber de forma clara essa nova diretriz administrativa”.

• • •

O governador disse que a ideia que inspirou esse modelo surgiu durante a leitura do livro em que o empresário americano Lee Iacocca conta como salvou a montadora Chrysler de uma crise financeira. Colombo aplicou o conceito quando foi prefeito de Lages e agora ampliou a proposta para abranger a estrutura de todo o Governo do Estado.

• • •

O diretor financeiro de cada pasta será uma peça chave no processo de implantação do novo modelo a partir de 2015.

• • •

O governador também citou a proposta de transformar as 36 Secretarias de Desenvolvimento Regional (SDRs) em agências de desenvolvimento, com uma maior integração com a comunidade.

• • •

Nessa mudança, as secretarias passarão por um processo de profissionalização, buscando estruturar uma equipe cada vez mais técnica. A proposta prevê, ainda, a eliminação de alguns postos, como do cargo de diretor-geral, ocupado na SDR de Jaraguá do Sul por Lorival Demathê.

• • •

As empreiteiras envolvidas no escândalo da Petrobras doaram R$ 39 milhões a 19 governadores. Entre eles, Rui Costa (PT), da Bahia, que recebeu R$ 9,4 milhões, e Geraldo Alckmin (PSDB), que levou R$ 7 milhões.

• • •

A lista, além de outros petistas e tucanos, é composta ainda por eleitos do PDT, PMDB, PSB e PCdoB. Raimundo Colombo (PSD) não recebeu ‘apoio’.